» » Intercâmbio proporciona conhecimento de Sistema Alternativo de Tratamento da Água em Rondinha

Intercâmbio proporciona conhecimento de Sistema Alternativo de Tratamento da Água em Rondinha

postado em: Saúde | 0

A equipe formada pelo Secretário da Saúde Lisandro Pires, o Presidente do Conselho Municipal da Saúde Dhonathã Rigo e a Fiscal Sanitária Silvana Dortelmann estiveram realizando na última sexta-feira, 20 de abril, um intercâmbio ao município de Rondinha, a fim de conhecer o sistema de tratamento de água feito nos poços das localidades do interior e sua possível aplicabilidade no município de Chiapetta.

O sistema alternativo de tratamento consiste na utilização do sal de cozinha. Junto ao poço artesiano fica localizada uma bomba de água de 20 litros e um equipamento que quebra a molécula do sal, transformando-o em cloro. O processo funciona a cada 20 dias, quando 2kg de cloreto de sódio (sal) são inseridos na bomba de água. A partir daí o equipamento é quem realiza o procedimento de transformação do cloro, dosagem e tratamento da água.

De acordo com o que foi percebido pela equipe durante o intercâmbio, é que a implantação da alternativa tem custo um pouco alto, pois o que acaba encarecendo é o preço do equipamento que deverá ser implantado em cada poço. Porém, o interessante é que após a implantação, a manutenção é simples e barata.

O monitoramento que vem sendo realizado nos poços artesianos do interior do município de Chiapetta aponta irregularidades e até mesmo contaminação da água. Preocupado com a situação, o município vem buscando com as comunidades o tratamento adequado visando a melhoria da qualidade da água e por isso estuda sistemas alternativos, como os vistos em Rondinha, para possível implantação.