» » Comitê de saúde avalia e define novas medidas de enfrentamento à COVID-19

Comitê de saúde avalia e define novas medidas de enfrentamento à COVID-19

Com a confirmação de casos do novo COVID-19 na região Celeiro e o término da vigência do decreto estadual, o comitê extraordinário de saúde esteve reunido durante a manhã desta quinta-feira (30), para avaliar e discutir novas formas de enfrentamento a pandemia do novo Coronavírus. As novas definições constam no Decreto Municipal N°26/2020, válido por 15 dias.
Entre as principais medidas tomadas pelo grupo, é de que a partir de agora o uso de máscaras, passará a ser obrigatório a todas as pessoas, proprietários e trabalhadores que circularem dentro de estabelecimentos, setor público, em filas de banco e lotéricas. Para a circulação em vias públicas, o uso da máscara será recomendado.
Dando continuidade ao trabalho de orientação à população nos estabelecimentos com maior circulação de pessoas, os Agentes Comunitários de Saúde e os Agentes de Endemias juntamente com os servidores da educação estarão prestando auxílio durante a semana. Já nos finais de semana, a responsabilidade será dos proprietários dos supermercados.
Na área da educação, as aulas nas escolas municipais seguem suspensas durante o mês de maio, conforme decisão do Governo Estadual. Na EMEF Lorette Fanck, pais e/ou responsáveis terão na próxima quarta-feira (06), a oportunidade de atendimento individual com os professores. O atendimento se dará das 7h30 às 11h30 para alunos do 6º ao 9º ano, e durante a tarde, das 13h15 às 17h15, para alunos do 1º ao 5º ano. Durante o atendimento serão entregues as atividades programadas até o dia 15 de maio, bem como receber as já realizadas. A direção da escola salienta que será observado o distanciamento pessoal sugerido pelos órgãos de saúde e solicita o uso de máscara.
Discutida ainda a implantação da Unidade Sentinela da COVID-19. A estrutura deverá ser montada na Unidade Básica de Saúde e permitirá que casos suspeitos sejam atendidos separadamente. Está sendo adquirido também, em conjunto com outros 40 municípios, por meio do CISA, um equipamento para possibilitar a realização de exames PCR para detecção do vírus, que poderão ser feitos em Ijuí no laboratório da Unijuí. Atualmente, os testes rápidos no município só estão disponíveis para profissionais de saúde, segurança e idosos.