» » Legislativo aprova reajuste salarial dos servidores públicos municipais

Legislativo aprova reajuste salarial dos servidores públicos municipais

Em sessão extraordinária na noite de ontem (10), vereadores aprovaram dezessete Projetos de Lei do Poder Executivo. Dentre eles, destaca-se a Revisão Geral Anual dos Servidores Públicos, onde o município promove a reclassificação salarial, concedendo a todos os servidores percentuais entre 8,5% até 24%, priorizando aumento maiores para aqueles servidores que possuem remunerações menores, ou seja, do padrão 1 até 7a.

O prefeito Eder Both esteve presente durante a sessão extraordinária acompanhando a apreciação e votação, bem como explanou os projetos, respondeu dúvidas  e questionamentos. Sobre a aprovação do projeto de Lei que trata do reajuste salarial disse estar contente, pois foi um debate ao longo de todo o ano de 2021. “A gente percebendo a redução do poder de compra das pessoas, especialmente, daqueles que ganham menos frente a inflação e a alta dos custos de mercado, combustível, enfim, a todos os itens, e sensíveis a isso, neste momento de revisão salarial optamos por priorizar estes servidores que ganham menos, embora todos são merecedores. Atendemos de certa forma todos os servidores públicos do município, mas com uma ênfase especial, dando aumentos acima de 20% inclusive, aos servidores que ganham menos. Sabemos que este reajuste nem era um desejo, mas sim uma questão de necessidade de sobrevivência para estas famílias”, ressaltou.

Com a aprovação do Projeto de Lei será possível a elaboração da folha de pagamento com o reajuste proposto e creditada na conta dos servidores públicos até o final do mês de janeiro.

Além desta pauta, outras também foram votadas, como por exemplo, a celebração de parcerias com o Grupo de Apoiadores da Brigada Militar de Chiapetta e APAE de Alegria, assim como os convênios com a Associação Hospitalar Chiapetta, que receberá repasse de R$201mil pagos em parcelas mensais de R$67mil, e com a Associação Hospitalar Santo Antônio de Tenente Portela, no valor mensal de R$23mil, para atendimentos de traumatologia, urologia, cirurgia geral, cirurgia vascular, otorrinolaringologia, psiquiatria, gastroenterologia, pediatria e ginecologia.