» » Projeto ‘Integração Lavoura Pecuária’ é lançado para cinco municípios da região

Projeto ‘Integração Lavoura Pecuária’ é lançado para cinco municípios da região

O Programa “Juntos para Competir”, desenvolvido pelo SEBRAE, FARSUL e SENAR recebeu o convite feito através do produtor do município, Marcelo Chiapetta, para apresentar o Projeto de Integração Lavoura Pecuária aos produtores da região. Realizada na Câmara de Vereadores, o evento contou com parceria da Secretaria Municipal de Agricultura e a presença de produtores de gado de corte e de grãos de Nova Ramada, Ajuricaba, Santo Augusto, Ijuí e Chiapetta.

Apresentado pela equipe do Sebrae, a proposta do projeto propõe orientação técnica, cursos, capacitações na área de gestão, de mercado, dias de campo, consultorias e novas tecnologias. Segundo a Gestora de Projetos Eloísa Muxfeldt Arns, um conjunto de ações que têm como objetivo melhorar rentabilidade e diminuir o risco que as propriedades têm com as atividades que desempenham hoje.

O Programa ‘Junto para Competir’ que trabalha nas principais Cadeias de Agronegócio Gaúcho vem desde 2015 trabalhando com a Integração Lavoura Pecuária – ILP. “Entendemos que essa é uma metodologia de sucesso que traz conceitos que não são novos, mas que andavam esquecidos”, explica a gestora. Além disso, com a crescente demanda que se tem por alimentos no mundo e com a preocupação de todos com a degradação do meio ambiente e a sustentabilidade os conceitos de ILP ganham hoje uma importância ainda maior.

Ao todo, serão implementados 50 projetos na região. Os produtores interessados em aderir ao projeto terão consultorias gratuitas durante o período de quatro anos. No dia 23 de junho acontece o 1º Seminário de Integração Lavoura Pecuária. O evento acontece no Salão de Atos da Unijuí com início às 9h. Durante seminário produtores que já fazem parte do projeto irão apresentar os resultados que vem tendo com essa metodologia em suas propriedades. Interessados em participar, tanto do projeto quanto do seminário, precisam procurar a Secretaria de Agricultura de seu município e garantir uma vaga.

Deixe uma resposta